Europa: vendas de tecnologia caem pela 1ª vez em sete anos

2021-09-14 A produção e venda de equipamentos de elevada incorporação tecnológica na União Europeia alcançou no ano passado os 311 mil milhões de euros, o valor mais baixo dos últimos três anos. E que representa uma queda de 7% face ao ano anterior, sendo a primeira descida dos últimos sete anos.
Os dados são do Eurostat, que diz que em 2019 se registou um pico de vendas de 334 mil milhões de euros. Por tipo de equipamentos, o maior contributo veio de tecnologia farmacêutica, que gerou uma faturação de 97 mil milhões de euros, seguida dos produtos eletrónicos de telecomunicações (67 mil milhões de euros) e dos instrumentos científicos (55 mil milhões).
Registaram-se ainda contributos relevantes da indústria aeroespacial (36 mil milhões de euros), computadores e outros equipamentos de escritório (17 mil milhões) e setor químico (14 mil milhões).


Defendendo que primeiro é preciso consolidar as redes existentes


Relatório da Cisco sobre segurança mostra crescimento de 48%


Para alargar operação ao promissor mercado do social commerce


Considerando que a Europa é muito importante


Mantendo este nome apenas para a rede social


Para apoiar organizações dos setores público e privado